7 regras que todo investidor deveria seguir

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

No ano de 1981, o investidor Harry Browne apresentou um conceito que seria essencial para as futuras gerações de investidores sobreviverem no mercado: o Portfólio Permanente.

O conceito faz parte da obra “Fail-Save Investing”, e implica, basicamente, na construção de uma carteira de investimentos que resiste aos movimentos irracionais do mercado. Entre eles, Browne destaca a “hiperinflação”, a “deflação”, o “confisco de ativos” como alguns dos principais eventos aos quais um Portfólio Permanente deve resistir.

Com o intuito de apresentar de forma mais didática aquilo que seriam os principais pilares da estratégia elaborada por Browne, os autores Craig Rowland e J.M. Lawson publicaram em outubro de 2012 o livro “Portfólio Permanente: a estratégia de longo prazo de Harry Browne”.

Funcionando como uma espécie de guia para todo investidor, o livro de Rowland e Lawson resulta em sete regras para que uma jornada no mercado financeiro seja mais prudente e próspera, conforme destacou Richard Rytenband, economista e CEO da Convex Research.

1ª regra: o seu trabalho proporciona a sua riqueza

A maior parte do seu patrimônio será originada pela sua dedicação à profissão que escolheu, e não de outros atalhos e truques para se obter altos retornos em curtos intervalos de tempo.

“É verdade que investir pode ser muito poderoso para aumentar o seu dinheiro, mas normalmente é a sua carreira que fornece os fundos que permitem que você invista em primeiro lugar”, disse Rytenband.

2ª regra: não presuma que você pode substituir a sua riqueza

A partir do momento em que se perde dinheiro por conta de administrações ruins dos investimentos, é ainda mais arriscado se concluir que aquele valor por com certeza recuperado.

“Uma grande perda de investimento pode representar anos, ou esmo décadas, de trabalho árduo”

3ª regra: reconheça a diferença entre investir e especular

Saber o que separa estes dois conceitos permitirá que o investidor tenha muito mais clareza em suas decisões, já que saberá com qual tipo de contexto lidará.

De acordo com os autores, o investimento implica em um processo de definição de uma estratégia clara e que é implementada com disciplina e foco, focando em resultados de longo prazo. Já a especulação consiste em se envolver com negociações que visam o lucro de curto prazo.

4ª regra: ninguém pode prever o futuro

No livro, os autores ressaltam que independente das credenciais e repertórios acumulados ao longo do tempo, nenhum investidor possui a capacidade de prever o futuro de forma assertiva. Como o mercado financeiro é marcado por instabilidade, se apegar a previsões pode ser uma prática que te leve à falência.

“O autor brinca que ninguém pensa em visitar um médium todas as manhãs para obter conselhos, mas ficam felizes em ouvir analistas, comentaristas e gurus sobre o futuro dos mercados”, destacou Richard.

5ª regra: não dependa de nenhum investimento, instituição ou pessoa para a sua segurança

Tomar decisões que impliquem em uma consequente dependência de um fator central para o seu sucesso e segurança, ou seja, de um sistema centralizado, fará com que você esteja exposto à diversas fragilidades.

6ª regra: mantenha parte do seu patrimônio fora do país que você reside

“A diversificação geográfica protege você de desastres naturais e provocados pelo homem que podem afetar suas economias. Também protege você contra um governo que pode tentar resolver seus problemas financeiros confiscando a propriedade privada dos cidadãos.”, explica Richard.

7ª regra: separe parte do seu orçamento para o seu lazer

Por fim, não deixe de lembrar que recompensar-se pelo esforço feito é uma medida tão importante quanto as outras, pois dará forças e energia suficientes para continuar em frente.

Receba nossa

Newsletter

Novidades e informações importantes sobre a Convex

Relacionados

Preserve o Seu Patrimônio

Seja um Assinante Convex

Entre em contato para saber mais sobre nossas soluções e ferramentas para que você se torne um investidor global.